Próximo
Próximo
Próximo
Próximo
Próximo
Próximo

71

 

 

Gary (Jack O'Connell) é um jovem e inexperiente soldado que é realocado para Belfast, um lugar dividido pela religião e política criando uma tensão constante entre protestantes e católicos. Na sua primeira missão ele é acidentalmente deixado para trás. Abandonado em uma zona de guerra o recruta terá que sozinho aprender a sobreviver em um ambiente desconhecido e mortal.

 

O diretor de séries, Yann Demange, dirige o seu primeiro filme e mostra talento. Com uma potência apurada para cenas de ação à la Paul Greengrass, Demange inicia seu estilo sem dúvidas ou inseguranças. Sua preocupação não é entender a tensão da época, nem julgar os simplórios religiosos. Não há lições de moral. Existe apenas uma força violenta e instintiva por sobrevivência guiada pelo punho certeiro do debutante diretor com enquadramentos e cortes de câmera vertiginosas.

 

Jack O'Connell segura o filme de ponta a ponta, deixando um pouco de lado sua imagem no último e sofrível filme da Angelina Jolie, O Invencível. O jovem ator tem talento e precisa fugir de bombas como essa, se quiser ser lembrado para projetos mais interessantes.

 

Um thriller sufocante que, apesar de não sair do lugar comum e evitar o enfrentamento com assuntos mais sérios, confunde gêneros e é bem realizado.