Rudderless

 

 

Um pai (Billy Crudup) arrasado, depois da morte do seu filho, tenta reconstruir a vida. Certo dia ele encontra alguns objetos que pertenciam ao filho, incluindo letras de músicas e gravações originais. Para honrar sua lembrança ele decidir tocar essas canções.

 

Primeiro longa do ator (e agora diretor) William H. Macy. Ele dirige uma emocionante história recheada de boas interpretações e canções. Usando a música como uma válvula de escape, e a simplicidade como forma narrativa, Macy escreve uma obra íntima envolvida em sentimentos conflitantes para falar da reaproximação entre pai e filho.

 

Um drama de um luto sem fim, e para um luto que nunca acaba faz-se necessário uma força que nunca seca.